As cartas que eu não mando...

28/12/2010

Nem toda mulher consegue ouvir um "não".
Nem toda mulher sabe escutar um "talvez".
Nem toda mulher obtém um "sim".
Nem toda mulher merece outra vez.
Nem toda mulher conhece a solidão.
Nem toda mulher repensa o que fez.
Nem toda mulher doa-se de coração.
Nem toda mulher fica na insensatez.
Nem toda mulher aparenta sua idade.
Nem toda mulher persegue a verdade.
Nem toda mulher vive só da vaidade.
Nem toda mulher entende a amizade.
Nem toda mulher resiste... à mudança.
Nem toda mulher insiste... em chorar.
Nem toda mulher transmite... confiança.
Nem toda mulher desiste... de sonhar.
Nem toda mulher é vista só pela beleza.
Nem toda mulher conquista com sutileza.
Nem toda mulher curte um homem complicado.
Nem toda mulher busca um príncipe encantado.
Nem toda mulher recebe um presente.
Nem toda mulher fala tudo o que sente.
Para certas coisas, o corpo não mente.
Mulheres se lembram do que é diferente.

Férias de si mesmo!


Existem épocas que não parecemos nós mesmos. Nossos gostos, preferências e hobbys se tornam cansativos, enfadonhos e nosso dia-a-dia uma luta contra nosso eu interior.

Seja por preocupações como situação financeira, problemas de saúde ou de ordem emocional, muitas vezes parece que tudo aquilo que aprendemos e acreditamos não faz mais parte de nós, ficamos enterrados em uma escuridão sem fé nem esperança, os ombros caídos, a cabeça pesada e o espirito entorpecido. Então só há uma coisa a fazer… tire férias!

Esqueça-se quem você é por alguns dias, faça o que lhe der vontade, desde que isso não prejudique outros. Permita-se faltar a um compromisso, furar a dieta e não atender ao telefone por hoje, se esta for sua vontade.

Não tenha medo e nem permita que isso torne-se um hábito, afinal você tem uma essência e sabe como ela é na realidade. Então não importa se só por esta semana você não quer fazer exercícios, se já o fez por mais de um ano e com certeza continuará fazendo após estas pequenas férias, deixe-se descansar, permita-se errar um pouco.

Com certeza após este tempo você voltará dando o real valor as coisas que gosta, mais motivado e alegre, tirando o proveito total daquilo que você ama. Apenas não esqueça de marcar uma data de retorno, como em qualquer férias, afinal o patrão neste caso, você mesmo, é bem exigente e não queremos desagradá-lo, não é mesmo?

26/11/2010

Se as coisas são inatingíveis... ora!

Não é motivo para não querê-las...

Que tristes os caminhos, se não fora

A presença distante das estrelas!
Olhe o mundo com coragem do cego, entenda as palavras com atenção do surdo, fale com a mão e com os olhos, como fazem os mudos.

24/11/2010

Convite para jantar!

Recebi isso por e-mail de um amigo! Esse vale ouro!
ISSO SERVE PARA MULHERES INTELIGENTES QUE PRECISEM DAR UMAS RISADAS...
e HOMENS CAPAZES DE LIDAR COM ISSO !!!
Então vamos lá... (perdoem os palavrões, mas deixei o texto original).

CONVIDANDO UMA MULHER PARA JANTAR:

Quando um homem chama uma mulher para sair, não sabe o grau de estresse que isso desencadeia em nossas vidas. O que venho contar aqui hoje é mais dedicado aos homens do que às mulheres. Acho importante que eles saibam
O que se passa nos bastidores. Você, mulher, está flertando um homem qualquer. Com sorte, ele acaba te chamando para sair. Vamos supor, um jantar.

Ele diz, como se fosse a coisa mais simples do mundo 'Vamos jantar amanhã?'.
Você sorri e responde, como se fosse a coisa mais simples do mundo: 'Claro, vamos sim'.
Começou o inferno na Terra. Foi dada a largada. Você começa a se reprogramar mentalmente e pensar em tudo que tem que fazer para estar apresentável até lá. Cancela todos os seus compromissos canceláveis e começa a odisséia.
Evidentemente, você também para de comer, afinal, quer estar em forma no dia do jantar e mulher sempre se acha gorda. Daqui pra frente, você começa a fazer a dieta do queijo: fica sem comer nada o dia inteiro e quando sente que vai desmaiar come uma fatia de queijo. Muito saudável.


Primeira coisa: fazer mãos e pés. Quem se importa se é inverno e você provavelmente vai usar uma bota de cano alto? Mãos e pés tem que estar feitos - e lá se vai uma hora do seu dia. Vocês devem estar se perguntando 'Mão tudo bem, mas porque pé, se ela vai de botas?' Lei de Murphy. Sempre dá merda.


Uma vez pensei assim e o infeliz me levou para um restaurante japonês daqueles em que tem que tirar o sapato para sentar naqueles tatames. Tomei no cu bonito! Tive que tirar o sapato com aquela sola do pé cracuda, esmalte semi-descascado e cutícula do tamanho de um champignon! Vai que ele te coloca em alguma outra situação impossível de prever que te obriga a tirar o sapato? Para nossa paz de espírito, melhor fazer mão é pé, até porque boa parte dessa raça tem uma tara bizarra por pé feminino. OBS: Isso me emputece. Passo horas na academia malhando minha bunda e o desgraçado vai reparar justamente onde? Na porra do pé! Isso é coisa de... Melhor mudar de assunto...

As mais caprichosas, além de fazer mão e pé, ainda fazem algum tratamento capilar no salão: hidratação, escova, corte, tintura, retoque de raiz, etc. Eu não faço, mas conheço quem faça.

Ah sim, já ia esquecendo. Tem a depilação. Essa os homens não podem nem contestar. Quem quer sair com uma mulher não depilada, mesmo que seja apenas para um inocente jantar? Lá vai você depilar perna, axila, virilha, sobrancelha etc, etc. Tem mulher que depila até o cu! Mulher sofre! E lá se vai mais uma hora do seu dia. E uma hora bem dolorida, diga-se de passagem.

Dia seguinte.

É hoje seu grande dia. Quando vou sair com alguém, faço questão da dar uma passada na academia no dia, para malhar desumanamente até quase cuspir o pulmão. Não, não é para emagrecer, é para deixar minha bunda e minhas pernas enormes e durinhas .



Geralmente, o homem não comunica onde vai levar a gente. Surge aquele dilema da roupa. Com certeza você vai errar, resta escolher se quer errar para mais ou para menos. Se te serve de consolo, ele não vai perceber.

Alias, ele não vai perceber nada. Você pode aparecer de Armani ou enrolada em um saco de batatas, tanto faz. Eles não reparam em detalhe nenhum, mas sabem dizer quando estamos bonitas . Mas, é como dizia Angie Dickinson: 'Eu me visto para as mulheres e me dispo para os homens'. Não tem como, a gente se arruma, mesmo que eles não reparem.

Escolhida a roupa, com a resignação que você vai errar, para mais ou para menos, vem a etapa do banho. Depois do banho e do cabelo, vem a maquiagem. Nessa etapa eu perco muito tempo. Lá vai a babaca separar cílio por cílio com palito de dente depois de passar rímel.

Depois vem a hora de se vestir. Homens não entendem, mas tem dias que a gente acorda gorda. É sério, no dia anterior o corpo estava lindo e no dia seguinte... LEITOA! Não sei o que é , mas eu juro que acontece. Muitas vezes você compra uma roupa para um evento, na loja fica linda e na hora de sair fica uma merda. Se for um desses dias em que seu corpo está uma merda e o espelho está de sacanagem com a sua cara, é provável que você acabe com um pilha de roupas recusadas em cima da cama, chorando, com um armário cheio de roupa gritando 'EU NÃO TENHO ROOOOOUUUUUPAAAA'. O chato é ter que refazer a maquiagem. E quando você inventa de colocar aquela calça apertada e tem que deitar na cama e pedir para outro ser humano enfiar ela em você? Uma gracinha, já vai para o jantar lacrada a vácuo. Se espirrar a calça perfura o pâncreas.

Ok, você achou uma roupa que ficou boa. Vem o dilema da lingerie. Salvo raras exceções, roupa feminina ou é bonita, ou é confortável.

Você olha para aquela sua calcinha de algodão do tamanho de uma lona de circo. Ela é confortável. E cor de pele. Praticamente um método anticoncepcional. Você pensa

'Eu não vou dar para ele hoje mesmo, que se foooda'. Você veste a calcinha. Aí bate a culpa. Eu sinto culpa se ando com roupa confortável, meu inconsciente já associou estar bem vestida a sofrimento. Aí você começa a pensar 'E se mesmo sem dar para ele, ele pode acabar vendo a minha calcinha... Vai que no restaurante tem uma escada e eu tenho que subir na frente dele... se ele olhar para essa calcinha, broxará para todo o sempre comigo...'. Muito p... da vida, você tira a sua calcinha amiga e coloca uma daquelas porras mínimas e rendadas, que com certeza vão ficar entrando na sua bunda a noite toda. Melhor prevenir.



Os sapatos. Vale o mesmo que eu disse sobre roupas: ou é bonito, ou é confortável. Geralmente, quando tenho um encontro importante, opto por UMA PEÇA de roupa bem bonita e desconfortável, e o resto menos bonito mas confortável. FATO: Lei de Murphy impera. Com certeza me vai ser exigido esforço da parte comprometida pelo desconforto. Exemplo: Vou com roupa confortável e sapato assassino. Certeza que no meio da noite o animal vai soltar um 'Sei que você adora dançar, vamos sair para dançar! Eu tento fazer parecer que as lágrimas são de emoção. Uma vez, um sapato me machucou tanto, mas tanto, que fiz um bilhete para mim mesma e colei no sapato, para lembrar de nunca mais usar!. Porque eu não dei o sapato? Porra... me custou muito caro. Posso não usá-lo, mas quero tê-lo. Eu sei, eu sei, materialista do caralho. Vou voltar como besouro de esterco na próxima encarnação e comer muito coco para ver se evoluo espiritualmente! Mas por hora, o sapato fica.

Depois que você está toda montadinha, lutando mentalmente com seus dilemas do tipo 'será que dou para ele? É o terceiro encontro, talvez eu deva dar...' Começa a bater a ansiedade. Cada uma lida de um jeito.

Tenho um faniquito e começo a dizer que não quero ir. Não para ele, ligo para a infeliz da minha melhor amiga e digo que não quero mais ir, que sair para conhecer pessoas é muito estressante, que se um dia eu tiver um AVC é culpa dessa tensão toda que eu passei na vida toda em todos os primeiros encontros e que quero voltar tartaruga na próxima encarnação. Ela, coitada, escuta pacientemente e tenta me acalmar.

Agora imaginem vocês, se depois de tudo isso, o filho da p..... liga e cancela o encontro? 'Surgiu um imprevisto, podemos deixar para semana que vem?'.

Gente, não é má vontade ou intransigência, mas eu acho inadmissível uma coisa dessas, a menos que seja algo muito grave! Eu fico p..., p..., PU...da vida!
Claro, na cabecinha deles não custa nada mesmo, eles acham que é simples, que a gente levantou da cama e foi direto pro carro deles. Se eles soubessem o trabalho que dá, o estresse, o tempo perdido... nunca ousariam remarcar nada.
Se fode aí! Vem me buscar de maca e no soro, mas não desmarque comigo! Até porque, a essas alturas, a dieta radical do queijo está quase te fazendo desmaiar de fome, é questão de vida ou morte a porra do jantar! NÃO CANCELEM ENCONTROS A MENOS QUE TENHA ACONTECIDO ALGO MUITO, MUITO, GRAVE! DO TIPO...MORRER A MÃE OU O PAI TER UM AVC NO TRÂNSITO.

Supondo que ele venha. Ele liga e diz que está chegando. Você passa perfume, escova os dentes e vai. Quando entra no carro já toma um eufemismo na lata 'HUMMM... tá cheirosa!' . Ele nem sequer olha para a sua roupa. Ele não repara em nada, ele acha que você é assim ao natural. Eu não ligo, porque acho que homem que repara muito é meio viado, mas isso frustra algumas mulheres. E se ele for tirar a sua roupa, grandes chances dele tirar a calça junto com a calcinha e nem ver. Pois é, Minha Amiga, você passou a noite toda com a rendinha atochada no rego para nada. Homens, vocês sabiam que uma boa calcinha, de marca, pode custar o mesmo que um MP4? Favor tirar sem rasgar.



Quando é comigo, passo tanto estresse que chego no jantar com um pouco de raiva do cidadão. No meio da noite, já não sinto mais meus dedos dos pés, devido ao princípio de gangrena em função do sapato de bico fino. Quando ele conta piadas e ri eu penso 'É, eu também estaria de bom humor, contando piada, se não fosse essa calcinha intra-uterina raspando no colo do meu útero'. A culpa não é deles, é minha, por ser surtada com a estética. Sinto o estômago fagocitando meu fígado, mas apenas belisco a comida de leve. Fico constrangida de mostrar toda a minha potência estomacal assim, de primeira.

Para finalizar, quero ressaltar que eu falei aqui do desgaste emocional e da disponibilidade de tempo que um encontro nos provoca. Nem sequer entrei no mérito do DINHEIRO. Pois é, tudo isso custa caro. Vou fazer uma estimativa POR BAIXO, muito por baixo, porque geralmente pagamos bem mais do que isso e fazemos mais tratamentos estéticos:

Roupa............................................................. R$ 200,00

Lingerie............................................................R$ 80,00

Maquiagem.......................................................R$ 50,00

Sapato.............................................................R$ 150,00

Depilação.........................................................R$ 50,00

Mão e pé..........................................................R$ 15,00

Perfume...........................................................R$ 80,00

Pílula anticoncepcional........................................R$ 20,00

Ou seja, JOGANDO O VALOR BEM PARA BAIXO, gastamos, no barato, R$ 500,00 para sair com um HOMEM. Entendem porque eu bato o pé e digo que homem TEM QUE PAGAR O MOTEL? A gente gasta muito mais para sair com eles do que ele com a gente!

Por isto amigos, valorizem seu próximo encontro e aprendam um pouco mais, sobre este ser fantástico, chamado mulher.

Alice no País das Maravilhas


Os contos de fadas invadiram a cidade de Guaporé neste final de semana!!
Bem, só de fadas também não...
Entre fadas, montros, mendigos e sacos de farinha Nordeste, o Chapeleiro Maluco marcou presença na bagunça!
Sim, sim... a ideia partiu quando um grande amigo indicou o filme Alice no País das Maravilhas. Apreciado o filme, não tive dúvidas no personagem a escolher para a festa.
E lá estava eu, uma palhaaaaaaaaça correndo pela praça, chutando os pés e tentando se equilibrar no próprio corpo! Afff que canseira ser maluco!
Nada foi mais emocionante, que ver as crianças gritando pelo Chapeleiro, solicitando para não deixar a Alice voltar ao mundo real.
Ah.. mundo real, quisera eu viver no mundo das Maravilhas...
Não tendo esta graça, hehe, aproveitei o momento e encarnei o personagem! Trazendo um pouco de magia para mim mesma, distribuindo para os que se permitiam receber.
Você é aquilo que foi amputado no passado, a emoção de um trecho de livro, a cena de rua que lhe arrancou lágrimas, você é o que você chora.
"É muito fácil ser pedra... O difícil é ser vidraça!"

12/11/2010

Dieta!

Meu Querido Diário:
Hoje começo a fazer dieta. Preciso perder 8 kg .

O médico me aconselhou a fazer um diário, onde devo colocar minha alimentação e falar sobre o meu estado de espírito.

Sinto-me de volta à adolescência, mas estou muito empolgada com tudo.

Por mais que dieta seja dolorosa, quando conseguir entrar naquele vestidinho preto maravilhoso, vai ser tudo de bom.

Primeiro dia de dieta:
Uma fatia de queijo branco.

Um copo de diet shake.

Meu humor está maravilhoso.

Me sinto mais leve.

Segundo dia de dieta:
Uma saladinha básica.

Uma fatia de queijo branco.

Algumas torradas e um copo de iogurte.

Ainda me sinto maravilhosa.

A cabeça dói um pouquinho, mas nada que uma aspirina não resolva.

Terceiro dia de dieta:
Acordei no meio da madrugada com um barulho esquisito.

Achei que fosse ladrão.

Mas, depois de um tempo percebi que era o meu próprio estômago.

Roncando de dar medo.

Tomei um litro de chá.

Fiquei mijando o resto da noite.
Anotação: Nunca mais tomo chá à noite.

Quarto dia de dieta:
Estou começando a odiar salada.

Me sinto uma vaca mascando capim.

Estou meio irritada.

Mas acho que é o tempo.

Minha cabeça parece um tambor.

Janaína (aquela estagiaria novinha) comeu uma torta alemã hoje no almoço.

Mas eu resisti.

Comi só duas fatias de queijo branco.
Anotação:Odeio Janaína

Quinto dia de dieta:
Juro por Deus que se vir mais um pedaço de queijo branco na minha frente, eu vomito!

No almoço, a salada parecia rir da minha cara.

Gritei com o boy hoje!

E com a Janaína.

Preciso me acalmar e voltar a me concentrar.

Comprei uma revista com a Gisele na capa.

Minha meta.

Não posso perder o foco.

Sexto dia de dieta:
Estou um caco.

Não dormi nada essa noite.

E o pouco que consegui, sonhei com um pudim de leite.

Acho que mataria hoje por um brigadeiro…

Sétimo dia de dieta:
Fui ao médico.

Emagreci 250 gramas .

Tá de sacanagem!

A semana toda comendo mato.

Só faltando mugir e perdi 250 gramas !

Ele explicou que isso é normal.

Mulher demora mais emagrecer, ainda mais na minha idade.

O FDP me chamou de gorda e velha!

Anotação: Procurar outro médico.

Oitavo dia de dieta:
Fui acordada hoje por um frango assado.

Juro!

Ele estava na beirada da cama, dançando dança do ventre.
Anotação: O pessoal do escritório ficou me olhando esquisito hoje, Janaína diz que é porque estou parecendo o Jack do ‘Iluminado’.

Nono dia de dieta:
Não fui trabalhar hoje.

O frango assado voltou a me acordar, dançando a kara karamba kara karaô dessa vez. Passei o dia no sofá vendo tv.

Acho que existe um complô.

Todos os canais passavam receita culinária.

Ensinaram a fazer Torta de morangos, salpicão e sanduíche de rocambole.
Anotação:Comprar outro controle remoto, num acesso de fúria, joguei o meu pela janela.

Décimo dia de dieta:
Eu odeio Gisele Bundchen!

Com photoshop até a Dercy Gonçalves fica gostosa.

Décimo-primeiro dia de dieta:
Chutei o cachorro da vizinha.

Gritei com o porteiro.

O boy não entra mais na minha sala e as secretárias encostam na parede quando eu passo.

Décimo-segundo dia de dieta:
Sopa.
Anotação: Nunca mais jogo pôquer com o frango assado.

Ele rouba.

Décimo-terceiro dia de dieta:
A balança não se moveu.

Ela não se moveu!

Não perdi um mísero grama!

Comecei a gargalhar freneticamente.

Assustado, o médico sugeriu um psicólogo.

Acho que chegou a falar em psiquiatra.

Será que é porque eu o ameacei com um bisturi?
Anotação:Não volto mais ao médico, o frango acha que ele é um charlatão.

Décimo-quarto dia de dieta:
O frango me apresentou uns amigos. A picanha é super gente boa, e a torta, embora meio enfezada, é um doce.

Décimo-quinto dia de dieta:
Matei a Gisele Bundchen !

Cortei ela em pedacinhos e todas as fotos de modelos magérrimas que tinha em casa.
Anotação: O frango e seus amigos estão chateados comigo.

Comi um pedaço do Sr. Pão.

Mas foi em legítima defesa.

Ele me ameaçou com um pedaço de salame.

Décimo sexto dia:
Não estou mais de dieta.

Aborrecida com o frango, comi ele junto com o pão.

E arrematei com a torta.

Ela realmente era um doce ........



Frase de Reflexão:

Certas dietas são simples:

Basta cortar o açúcar, as frituras, as massas, as bebidas alcoólicas, os pães e os pulsos.’

24/10/2010

Tudo é tão simples...


A felicidade é tão simples e sutil, que a maioria das pessoas passa uma vida inteira, sem saber que existe esse tipo de sensação...

Fomos “condicionados” à procurar a felicidade em coisas que são tidas como fonte de felicidade.

O Universo nos presenteia o tempo todo!!!
Basta saber calar, e ouvir a voz do coração...
Se for preciso, feche os olhos, às vezes isso ajuda...
Sinta o pulsar do Universo, sinta o pulsar do seu coração, sinta ...
Apenas Sinta...

28/09/2010

Pudim - Por Marta Medeiros

Não há nada que me deixe mais frustrada
do que pedir Pudim de sobremesa,
contar os minutos até ele chegar
e aí ver o garçom colocar na minha frente
um pedacinho minúsculo do meu pudim preferido.
Um só.

Quanto mais sofisticado o restaurante,
menor a porção da sobremesa.
Aí a vontade que dá é de passar numa loja de conveniência,
comprar um pudim bem cremoso
e saborear em casa com direito a repetir quantas
vezes a gente quiser,
sem pensar em calorias, boas maneiras ou moderação..

O PUDIM é só um exemplo do que tem sido nosso cotidiano.

A vida anda cheia de meias porções,
de prazeres meia-boca,
de aventuras pela metade.
A gente sai pra jantar, mas come pouco.

Vai à festa de casamento, mas resiste aos bombons.

Conquista a chamada liberdade sexual,
mas tem que fingir que é difícil
(a imensa maioria das mulheres
continua com pavor de ser rotulada de 'fácil').

Adora tomar um banho demorado,
mas se contém pra não desperdiçar os recursos do planeta.

Quer beijar aquele cara 20 anos mais novo,
mas tem medo de fazer papel ridículo.

Tem vontade de ficar em casa vendo um DVD,
esparramada no sofá,
mas se obriga a ir malhar.
E por aí vai.

Tantos deveres, tanta preocupação em 'acertar',
tanto empenho em passar na vida sem pegar recuperação...

Aí a vida vai ficando sem tempero,
politicamente correta
e existencialmente sem-graça,
enquanto a gente vai ficando melancolicamente
sem tesão.....

Às vezes dá vontade de fazer tudo 'errado'.
Deixar de lado a régua,
o compasso,
a bússola,
a balança
e os 10 mandamentos.

Ser ridícula, inadequada, incoerente
e não estar nem aí pro que dizem e o que pensam a nosso respeito.
Recusar prazeres incompletos e meias porções.

Até Santo Agostinho, que foi santo, uma vez se rebelou
e disse uma frase mais ou menos assim:
'Deus, dai-me continência e castidade, mas não agora'...

Nós, que não aspiramos à santidade e estamos aqui de passagem,
podemos (devemos?) desejar
vários pedaços de pudim,
bombons de muitos sabores,
vários beijos bem dados,
a água batendo sem pressa no corpo,
o coração saciado.

Um dia a gente cria juízo.
Um dia.
Não tem que ser agora.

Por isso, garçom, por favor, me traga:
um pudim inteiro
um sofá pra eu ver 10 episódios do 'Law and Order',
uma caixa de trufas bem macias
e o Malvino Salvador, nu, embrulhado pra presente.
OK?
Não necessariamente nessa ordem.

Depois a gente vê como é que faz pra consertar o estrago . ....

12/09/2010

I Hate The Way - Polly Scattergood

I hate the way I cry when you say you miss me.
But I love the way you hold me when I sleep.
I hate the way I bleed each time you kiss me.
But you say "Hey, sleeping beauty, go back to sleep."

We had pennies in our pockets,
We had hope in our eyes,
He said "Girl, you've got a million different faces.
So why'd you put on that disguise?"

Well, take what you want 'cos I have got nothing.
Pass me some pills, I'll go to bed.
But, however much I toss and turn
I feel a dark place up ahead.

Some nights I just sit back here, I remember,
I just remember, before it all got lost up in the mess.
He said "Not all men are bad and I am not like your dad,
And I will hold you even though you're slightly mad.
Cos I am not a man who will ever break you."

We had pennies in our pockets,
We had hope in our eyes,
He said "Girl, you've got a million different faces.
So why'd you put on that disguise?"

Well, take what you want 'cos I have got nothing.
Pass me some pills and I'll go to bed.
But, however much I toss and turn
I feel a dark place up ahead.

Do do do do do do do do do
My doctor says I've got to sing a happy tune
Do do do do do do do do do
A do do do but my body gave up too soon

Do do do do do do do do do
You know what?
I am just fine until I'm on my own
Do do do do do do do do
An do do do do oh somebody please come home

I hate the way I tremble when you touch me.
You're like a needle slowly piercing my skin.
I hate the my way stomach aches,
and I really hate these loveless mistakes.
Cos' I'm screaming for my rock who never picks up.
Why do you never pick up?

We had pennies in our pockets,
We had hope in our eyes,
He said "Girl, you've got a million different faces.
So why'd you put on that disguise?"

Well, you can take what you want 'cos I have got nothing.
Pass me some pills and I will go to bed.
But, however much I toss and turn
I feel a dark place up ahead.

Do do do do do do do do
My doctor says I'd got to sing a happy tune.

Maybe if I skip my dinner,
Make myself pretty and thinner,
Maybe then he'll love me and stop looking at the other girls.
So you said I'm paranoid. I'm paranoid?
Well I nearly choked. And no more of that crap,
You cannot break someone whose just been broken.
You can't break somebody whose just been broken.

So take me now I'm naked.
As you watch, I'll let you take it.
Maybe then you'll love me and stop looking at the other girls.
So you said I'm paranoid. Well, paranoid?
Well, I nearly choked. And no more of that crap,
You cannot break someone whose just been broken.
You can't break somebody whose just been broken.

Then I think he'll love me and stop looking at those other girls.

08/09/2010

"Que o medo da solidão se afaste e que o convívio comigo mesmo se torne ao menos suportável."

05/09/2010

Society

Oh, it's a mystery to me
We have a greed with which we have agreed
And you think you have to want more than you need
Until you have it all you won't be free

Society, you're a crazy breed
Hope you're not lonely without me...

When you want more than you have
You think you need...
And when you think more than you want
Your thoughts begin to bleed
I think I need to find a bigger place
Because when you have more than you think
You need more space

Society, you're a crazy breed
Hope you're not lonely without me...
Society, crazy indeed
Hope you're not lonely without me...

There's those thinking, more-or-less, less is more
But if less is more, how you keeping score?
Means for every point you make, your level drops
Kinda like you're starting from the top
You can't do that...

Society, you're a crazy breed
Hope you're not lonely without me...
Society, crazy indeed
Hope you're not lonely without me...

Society, have mercy on me
Hope you're not angry if I disagree...
Society, crazy indeed
Hope you're not lonely without me...

25/08/2010

A Portrait of The Artist as a Young Man

"I will tell you what I will do and what I will not do. I will not serve that in which I no longer believe, whether it call itself my home, my fatherland, or my church: and I will try to express myself in some mode of life or art as freely as I can and as wholly as I can, using for my defence the only arms I allow myself to use - silence, exile, and cunning."

Alice no País das Maravilhas


A não podia deixar de comentar sobre o filme Alice no País das Maravilhas.
Um ótimo filme! Não recomendado a criançinhas! rsrs
Sim claro; mesmo porque, Johnny Depp está mais uma vez fabuloso, agora no papel de Chapeleiro Maluco. Encantador e sedutor mesmo por debaixo da maquiagem.
Eita homem "bão" como diria minha adorável mãezinha...
Mesmo com lentes estranhas e megas sobrancelhas, no final da trama ele exala sedução, com seus olhares arrebatadores para cima de Alice. Isso só Depp consegue com todo se "PROFISSIONALISMO".
Johnny está com 47 anos, tem nome consagrado nos filmes: Edward Mãos-de-Tesoura, Don Juan DeMarco, O Bravo, A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça, Chocolate (um dos meus preferidos), Piratas do Caribe...
Negou papéis como o de Tom Cruise em Entrevista com o Vampiro, Brad Pitt em Lendas da Paixão e Leonardo di Caprio em Titanic, tudo isso para não ser considerado uma estrela de Hollywood. Também nem precisa né...

Assistam o filme! E Chocolate também!

19/08/2010

‎"Dar os parabéns para os colorados pela conquista do bi da Libertadores, título que nós, gremistas, já temos mas que agora os danados vermelhos vão igualar.
Ou seja, o Grêmio foi bi da Libertadores há 20 anos. Agora, chegam atrasados para a mesma façanha os colorados e ainda querem sentar na janela..."Paulo Santanna"

17/08/2010

Escrúpulo - Lenine

É muito além
É mais do que devia
Excesso que dá
De toda delicadeza...

Portanto, contudo, todavia
Toda vez você desvia
O rumo do assunto
E nunca que chega junto
E nunca que chega
Ao centro da questão
Escrúpulo!...

Você não fala pelas costas
Você não fala pelos cotovelos
Passa noites em claro
Mordendo a fronha
E escolhendo frases
De efeito moral
E nunca que você dá jeito
E nunca que ninguém
Dá jeito na situação
Escrúpulo!...

O tímido medo do ridículo
É sempre no limite
Que você decide
Decide se vai, ou se fica
Ou se foge
Decide, revide ou decide
Perdão!...

Você não sabe
Muito bem ao certo
Com que medida
Pode ser medido
O que é que move lá no fundo
Da verdade oculta
O que é que assusta
O seu coração
Você persegue a causa
E nunca que percebe
A causa da destruição
Escrúpulo!...

Odeio ficar fazendo rodeio
E pelo tolo receio
De ouvir um não
E dando passos em falso
Andando em círculo
O pé atrás, o impasse
O nó na garganta
Então já não adianta
Agora já não adianta
Mudar a decisão
Escrúpulo!...

O tímido medo do ridículo
É sempre no limite
Que você decide
Decide se vai, ou se fica
Ou se foge
Decide, revide ou decide
Perdão!...

01/08/2010

As Pontes de Madison

Para aumentarmos ainda mais o tédio dominical, meus amigos e eu, resolvemos assistir então o 4º filme do final de semana. Então nada melhor que "As Pontes de Madison".
Belíssimo filme dirigido por Clint Eastwood, conta a história de Francesca, uma dona de casa dedicada e esforçada que vive para satisfazer e organizar a vida dos dois filhos e do esposo. Enquanto faz tudo por aquelas pessoas, como aprendeu que deveria, não recebe nada em troca além da indiferença dos três. Óhh quanta angustia.
Em uma das viagens do marido para exposições de animais ela conhece Robert, um fotógrafo aventureiro que já conhece quase todos os lugares do mundo e nunca se prendeu a mulher nenhuma. (O que diga-se de passagem é muito comum...)
Os dois acabam se apaixonando e vivendo uma das histórias mais tocantes do cinema. O amor proibido é, ao mesmo tempo, um amor maduro, que supre carências e encanta.
Tudo isso chega ao espectador em forma de flashback através de um diário encontrado pelos filhos de Francesca após sua morte. Enquanto lêem e eles vão percebendo o que pode mudar também em suas vidas. O que estamos fazendo dos nossos dias? Proporcionamos felicidade? Somos realmentes completos, auto-suficientes?
Para viver o casal central, Eastwood escolheu a si próprio e a sempre fantástica Meryl Streep, que soube como transmitir as frustrações e a carência de uma mulher que vivia em uma época e, principalmente, em um local, onde mudanças não eram muito bem vindas.(Quase um Pequeno Paraíso rsrs).
O filme como um todo, seja pela delicadeza ou pelo tema, acaba sendo uma quase unanimidade entre as mulheres que o assistem. (No caso eu e minha irmã hehe).Por outro lado, muitos são os homens que não gostam da trama e classificam o filme como uma apologia à traição. O que assistindo eu pude relembrar momentos e já imaginava isso na visão dos homens presentes na sala, mas eles me surpreenderam com o entendimento do tema.
Enfim ótimo filme! Recomendo, principalmente a todas mulheres que por alguma vez se sentiu presa a uma vivência, ou teve medo de arriscar, ou ate mesmo encontrou um Robert em suas vidas.
Fiquem com uma das cenas mais legais que vi...

31/07/2010

Esses dias têm ido e vindo, mas dessa vez será mais doce que mel...

The Bucket List


Acabo de assistir The Bucket List (Antes de Partir)
Ótima comédia dramática.
Ai vai um pouquinho do filme. Recomendo.
Carter Chambers (Morgan Freeman) é um homem casado, que há 46 anos trabalha como mecânico. Submetido a um tratamento experimental para combater o câncer, ele se sente mal no trabalho e com isso é internado em um hospital. Logo passa a ter como companheiro de quarto Edward Cole (Jack Nicholson), um rico empresário que é dono do próprio hospital. Edward deseja ter um quarto só para si mas, como sempre pregou que em seus hospitais todo quarto precisa ter dois leitos para que seja viável financeiramente, não pode ter seu desejo atendido pois isto afetaria a imagem de seus negócios. Edward também está com câncer e, após ser operado, descobre que tem poucos meses de vida. O mesmo acontece com Carter, que decide escrever a "lista da bota", algo que seu professor de filosofia na faculdade passou como trabalho muitas décadas atrás. A lista consiste em desejos que Carter deseja realizar antes de morrer. Ao tomar conhecimento dela Edward propõe que eles a realizem, o que faz com que ambos viagem pelo mundo para aproveitar seus últimos meses de vida.
Não precisamos mais ter pressa depois que aprendemos a arte de tornar o tempo disponível.

20/07/2010

Baile de Formatura da Igui

PRA QUE SERVE UM AMIGO???

Pra tanta coisa... não é?



Para Instalar o XP no computador
e não cobrar nada, mesmo perdendo horas e horas a fio!
Para trazer muamba do Paraguai e quase ser preso!



Para emprestar o carro e recebê-lo de volta com multa

e 21 pontos na carteira.

Pra rachar a gasolina, emprestar a prancha,

recomendar um CD, dar carona para festa, passar cola,

caminhar no shopping, segurar a barra.



Todas as alternativas estão corretas, porém isso não basta para guardar um amigo do lado esquerdo do peito.



A amizade é indispensável para o bom funcionamento

da memória e para a integridade do próprio eu.



Um amigo não racha apenas a gasolina: racha lembranças, crises e choro, experiências.

Racha a culpa, racha segredos.



Um amigo não empresta apenas a prancha.
Empresta o verbo, empresta o ombro, empresta

o tempo, empresta o calor e a jaqueta.



Um amigo não recomenda apenas um CD.
Recomenda cautela, recomenda um emprego, recomenda um país.



Um amigo não dá carona apenas para festa.
Te leva para o mundo dele e topa conhecer o teu.



Um amigo não passa apenas cola...
Passa contigo um aperto, passa junto o reveillon.



Um amigo não caminha apenas no shopping.
Anda em silêncio na dor, entra contigo em campo,

sai do fracasso ao teu lado.

Segura o tranco, o palavrão, segura o elevador.





Duas dúzias de amigos assim, talvez, ninguém tem...

Se tiver um, amém!

01/07/2010

"Aquele que não sabe e sabe que não sabe, é simples; acordai-o.
Aquele que não sabe e não sabe que não sabe, é tolo; evitai-o.
Aquele que sabe e sabe que sabe, é sensato; segui-o.
O sábio sabe tudo que diz, mas não diz tudo o que sabe."

03/06/2010

Festa!!!

Pois é, os anos voam...
Hoje completo 22 anos... Confesso que não gosto muito do número 2 e um do lado do outro, menos ainda... hehe são manias minhas.
E como sou cheia de manias, o aniversário não escapa...
Tenho medo dele,ele significa tempo, ao mesmo tempo fico feliz por ter chegado até aqui com saúde, sabedoria, tendo realizado alguns sonhos em poucos anos de vida.
Tiro o dia para refletir, sobre tudo e todos que me cercam. Tiro as minhas conclusões para tocar em frente meus dias normais, sem eu ter que ser tão normal assim...
Pensar demais enlouquece sabia?
E quantos tipos de loucos existem??
Eu sou a louca da razão... Ninguém me tira ela... Tenho opinião formada sobre tudo e todos, sou teimosa mesmo, sim; uma louca teimosa...
Cada louco com seu tempo certo!
Cada louco com suas opiniões!
Cada louco com seus medos!
Cada louco com seus apegos, ou desapegos! (O desapego me irrita profundamente... só um detalhe.)
Ser louco não é tão difícil... todos somos naturalmente!
Loucura viver.
Melhor, loucura conviver.
Afinal, não se pode ser louco sozinho.
Apesar de, dizem, viver sozinho enlouquece. (Conheço alguns loucos solitários... que preferem se esconder sendo taxados de loucos o que na verdade é uma fuga, uma maneira mais normal e confortante de acharem que não precisam de ninguém, esses se enganam; não são loucos, esses não conseguem se relacionar com as pessoas, buscando um pouco do que precisam em várias delas).
Então não temos alternativas.
Somos loucos, por isso conseguimos viver juntos. Em conseqüência, vivendo juntos só poderíamos nos tornar malucos mesmo.
A ironia é que, agora que só podemos ser alguém (dizem psicólogos e cientístas sociais) em sociedade, enlouquecemos ao tentar viver sozinhos.
Aliás, mesmo que não enlouqueçamos, só por tentar, seremos considerados loucos... ou esquisitos (o que dá no mesmo)se quisermos nos isolar do mundo, das pessoas, do apego.
Tudo é uma questão de grau, "estilo", origem.... parece.
Loucos a parte... Hoje eu faço 22 anos, dos meus 98 restantes de uma loucura que manterei coletiva até lá.

26/05/2010

Carta de um marido sozinho em casa.

Querida

Está tudo em ordem durante sua ausência. Estou preparando meu
próprio almoço.
Está dando tudo certo. Ontem fiz batata frita. Ficou bom. Era preciso descascar a batata?

Fui buscar uns brioches na padaria e quando voltei o esmalte da
frigideira tinha soltado e ela estava toda derretida... Inclusive o cabo. E você que me dizia que o teflon segurava qualquer coisa...
Quanto tempo precisa pra cozinhar ovos? Já deixei eles fervendo lá duas horas, mas continuam duros que nem pedra. Bom, vou aguardar um pouco mais....
Semana passada tive um contratempo cozinhando as ervilhas. Decidi esquentar a lata no microondas e ele explodiu. A lata decolou feito um foguete, atravessou o teto e acertou a filha do seu Freitas, nosso vizinho de cima. Ela foi parar no pronto-socorro. Ainda bem que eles tinham plano de saúde.
Já aconteceu contigo de a louça suja criar mofo? Como é possível isso acontecer em tão pouco tempo?
Aliás, atrás da pia tem de tudo que é bicho, daqui a pouco vai dar pra fazer um documentário e vender pro Nacional Geografic.
Durante o último almoço eu emporcalhei o tapete persa com molho de tomate. Você sempre me dizia que mancha de molho de tomate não sai. Bobinha! Com um pouco de querosene não tive problema algum.. Saiu tudinho, inclusive a cor do tapete.

A geladeira estava criando muito gelo, então tive que fazer um defrost nela. O gelo sai fácil se voce raspar ele com uma espátula de pedreiro! Ficou ótimo, foi fácil e rápido. Agora a geladeira não sei por que está aquecendo. De toda forma, a carne ficou bem passada.
No mais, na última quinta-feira quando sai para o trabalho esqueci de trancar a porta. Alguém deve ter invadido nosso apartamento porque estão faltando alguns objetos de valor, inclusive aquele colar de marfim que seu bisavô trouxe da África. Mas como você sempre diz, o dinheiro não traz felicidade, e tudo que é material é efêmero. O seu guarda-roupa também está vazio, mas acho que não devem ter levado muita coisa, afinal você sempre diz que nunca tem nada pra vestir...
Beijos mil, com muito carinho, do seu querido Afonso.
PS: Sua mãe deu uma passada aqui pra ver como estavam às coisas.
Sofreu um infarto.
O velório foi ontem à tarde, mas preferi não te contar pra não te
aborrecer à toa.

Volte logo, estou com saudades...




16/05/2010

Corações Calejados




Fala-se de mãos e pés calejados, mas pouco se fala de corações calejados.
Portanto.. quanta gente há por aí vivendo como se não fosse possível ter sentimentos porque um dia foram magoadas.

As pessoas mais duronas, que parecem indiferentes ao amor, carinho e ternura, são pessoas endurecidas pela vida. São vítimas de uma dor que não souberam gerir.
Uma empresa mal administrada vai à falência; um coração mal dirigido vai à ruína.

Somos nós os gerentes da nossa vida. A nós cabe as decisões importantes que conduzirão nosso caminho. Você já experimentou andar com um sapato apertado?

No início a gente aguenta, faz até cara bonita e se diz que depois vai amaciar.
Mas isso nem sempre acontece e depois de algum tempo percebemos que, mesmo se as pedras no caminho podem fazer mal, melhor mesmo é deixar esse sapato de lado, ainda que seja aquele que a gente tanto desejou e até se sacrificou para adquirir.

Há pessoas que calejam nosso coração. Fazem parte da nossa vida e as amamos,
mas nos fazem mal... tanto e tanto que acabamos fechando aos poucos as portas do nosso coração a outras possibilidades.

Nos trancamos dentro dele e vivemos na escuridão da nossa própria sombra. Não permita que alguém magoe seu coração a ponto de te deixar insensível. Não deixe de acreditar nas estrelas porque um dia as nuvens escuras encobriram seu céu.

Se seu coração está calejado, cuide dele com mais carinho ainda. Que seja ele a transformar a atitude dos outros em relação a você e não o contrário!
Se alguém que você ama só quer brincar com seu coração, talvez essa pessoa não mereça o amor que você sente.

E por mais difícil que seja, guarde seu coração das asperezas, não deixe que as decepções o endureça.
Olhe em outras direções, dê uma chance aos que te querem bem e ao seu coração de ser cuidado com o carinho que ele merece.

10/05/2010

Tiziano Ferro - Te tomare una foto



"Reconocí tu mirada en otra semejante
Aun si estuvieras aquí te sentiría distante
Y para ser más honesto me siento muy pequeño
Mi pesadilla más grande mi enorme sueño
Somos hijos de mundos distintos de misma memoria
Que ingenua dibuja y borra la misma historia..."
"A consciência é o melhor livro de moral e aquele que menos se consulta."
Blaise Pascal

Jardim Inglês - Nei Van Soria

01/05/2010

" Eu passei todos esses anos namorando caras, q olhavam
para o meu peito quando deveriam olhar pros meus olhos,
agora acho q tenho todo o direito de escolher o cara certo...
onde ele anda? com certeza esta com as mulheres erradas..."
"Querida Holly, Eu não tenho muito tempo, não digo literalmente é que você foi comprar sorvete e vai voltar logo! Mas tenho a impressão de que é a última carta porque só resta uma coisa pra dizer, não é para se lembrar sempre de mim ou comprar um abajur, você pode se cuidar sem a minha ajuda, é para dizer como você mexeu comigo, como você me ajudou me amando, você fez de mim um homen, Holly, e por isso eu sou eternamente grato, literalmente. Se pode me prometer alguma coisa, prometa que sempre que se sentir triste ou insegura ou perder completamente a fé vai tentar olhar para si mesma com meus olhos. Obrigado pela honra de ter você como esposa, eu não tenho o que lamentar, tive muita sorte. Você foi a minha vida Holly, mas eu sou apenas um capítulo da sua, haverá mais eu prometo portanto aqui vai o meu grande conselho: não tenha medo de se apaixonar de novo, fique atenta àquele sinal de que não haverá mais nada igual."
P.S. Eu sempre vou te amar.

26/04/2010

Relacionamento

Sempre acho que namoro, casamento, romance tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.
Detesto quando escuto aquela conversa:
- ‘Ah, terminei o namoro… ‘
- ‘Nossa, quanto tempo?’
- ‘Cinco anos… Mas não deu certo… Acabou’
- É não deu…?

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou.
E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.
Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos esta coisa completa.

Às vezes ele é fiel, mas não é bom de cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é malhada, mas não é sensível.
Tudo nós não temos.
Perceba qual o aspecto que é mais importante e invista nele.

Acho que o beijo é importante… E se o beijo bate… Se joga… Se não bate… Mais um Martini, por favor… E vá dar uma volta.
Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra.
O outro tem o direito de não te querer.
Não lute, não ligue, não dê pití.
Se a pessoa ta com dúvida, problema dela, cabe a você esperar... ou não.

Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa realmente gostar, ela volta.
Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob chantagem, gravidez, dinheiro, recessão de família?

O legal é alguém que está com você por você.
E vice versa.
Não fique com alguém por dó também.
Ou por medo da solidão.
Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado.
E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.
Tem gente que pula de um romance para o outro.
Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?

Gostar dói.
Você muitas vezes vai ter raiva, ciúmes, ódio, frustração.
Faz parte... Você namora um outro ser, um outro mundo e um outro universo.
E nem sempre as coisas saem como você quer…
A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.
Se alguém vier com este papo, corra, afinal, você não é terapeuta.
Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.

Na vida e no amor, não temos garantias.
E nem todo sexo bom é para namorar.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar.
Nem todo beijo é para romancear.
Nem todo sexo bom é para descartar. Ou se apaixonar. Ou se culpar.

Enfim… Quem disse que ser adulto é fácil?

Arnaldo Jabor

21/04/2010


Big wheels keep on turning
Carry me home to see my kin
Singing songs about the Southland
I miss Alabamy once again
And I think its a sin, yes

Well I heard mister Young sing about her
Well, I heard old Neil put her down
Well, I hope Neil Young will remember
A Southern man don't need him around anyhow

Sweet home Alabama
Where the skies are so blue
Sweet Home Alabama
Lord, I'm coming home to you

In Birmingham they love the governor ohh ooohh ohhh......
Now we all did what we could do
Now Watergate does not bother me
Does your conscience bother you?
Tell the truth

Sweet home Alabama
Where the skies are so blue
Sweet Home Alabama
Lord, I'm coming home to you
Here I come Alabama

Ahhh, Ahhhhh, ah, Alabama
Ahhh, Ahhhhh, ah, Alabama
Ahhh, Ahhhhh, ah, Alabama
Ahhh, Ahhhhh, ah, Alabama

Now Muscle Shoals has got the Swampers
And they've been known to pick a song or two
Lord they get me off so much
They pick me up when I'm feeling blue
Now how about you?

Sweet home Alabama
Where the skies are so blue
Sweet Home Alabama
Lord, I'm coming home to you

Sweet home Alabama
Oh sweet home baby
Where the skies are so blue
And the governor's true
Sweet Home Alabama
Lordy Lord, I'm coming home to you
Yea, yea Montgomery's got the answer

"Há momentos em que as tribulações acontecem em nossas vidas, e não podemos evitá-las. Mas estão ali por algum motivo. Só quando ultrapassamos, entendemos porque estavam ali."
Paulo Coelho

15/04/2010

A Alma das coisas

Gosto das casas
onde as coisas não são propriedade,
onde as coisas
são mais leves do que barcas no ancoradouro.
Não gosto das coisas sem que haja o dom
de uma mágica relação com elas.

Não, não é em ti que reside,
lareira, a tua força: de lenha
tu te enches,
como uma boca cheia de palavras,
mas não hei de arder enquanto
o mediador entre nós não for o Fogo.

Hão de me dizer:
joga fora os sonhos, desenha a realidade,
descreve tal como são
as botas, a pera, a ferradura…
Mas se a realidade é imagem aparente
o que eu procuro é alma sob a realidade.

Repito sempre:
o sal não está no sal e nem o prego
está no prego.

NOVELLA MATVÊIEVA - Poesia Soviética


Seja indispensável para alguém!

Coldplay - 'Yellow' music video

10/04/2010

"As pessoas pensam muito pouco na morte. Passam suas vidas preocupadas com verdadeiros absurdos, adiam coisas, deixam de lado momentos importantes."
Paulo Coelho

27/03/2010

O amor é um domingo.

“...O amor é um domingo.Cansado - cansado das falsidades, cansado das máscaras, cansado de mostrar faces feias e não verdadeiras às pessoas, e continuamente reprimindo seu ser - a pessoa quer alguém com quem possa ser ela mesma totalmente - relaxada, à vontade, tranqüila. Assim, se você ama uma pessoa, desde o início, nunca seja não verdadeiro. Se o amor desaparecer, é melhor que o relacionamento seja quebrado. Ele tem que ser quebrado - porque não há qualquer sentido em tal relacionamento. Se a sua verdade for aceita, se você for aceito, somente então este é um amor que vale a pena. Então você cresce através dele. ... Em um simples momento, a pessoa pode mudar completamente. Ela estava muito alegre e pode se tornar muito triste. Exatamente um momento antes ela estava pronta para morrer e no momento seguinte ela está pronta para matá-lo. Mas a humanidade é assim. Isso traz uma profundidade, traz surpresas e um tempero... Caso contrário, a vida seria muito entediante..."

Aquilo que nos uniu, é o mal que nos separa!

25/03/2010

Quando tão pouco era quase tudo


O sol já se punha enquanto a bola rodava, pés descalços correndo a rua empoeirada. Divertir-se até o começo dos anos 2000 era nada menos que reunir a turma do bairro e ver o sol se pôr junto às mais simples brincadeiras: sem grandes tecnologias, vestindo roupas rasgadas, descobrindo sensações de um mundo real – o qual, mesmo que cheio de cortes e arranhões, parecia seguro e confortante.

Houve épocas em que estar perto de uma garota era algo tão mágico que, mesmo o tempo voando, podia-se sentir ser aquele momento eterno. Girar uma garrafa, poder beijar a menina que você gostava, era ser rei, sonhar acordado e demorar a dormir pensando naquele simples beijo.

Houve um tempo em que chutar uma pedra e perder uma unha não doíam tanto quanto furar uma bola. Neste tempo, árvores e capoeiras eram esconderijos, a vizinhança toda sabia que o breve silêncio seria quebrado pelos gritos e passadas largas da criançada que usava a noite para brincar de esconde-esconde.

Houve um tempo o qual conhecíamos nosso bairro, cada vizinho, cada centímetro de paralelepípedo era tocado: o prazer de descobrir e desbravar fazia de cada criança dona de seu próprio mundo
A velha árvore foi derrubada para a construção de um prédio. Os balanços de cipó foram cortados enquanto a estrada ganhou asfalto. Já não há mais mato, não há mais espaço. Casas ganharam muros altos, cercas eletrificadas. Durante a noite, não vemos mais os pais nas sacadas, dividindo o chimarrão, cuidando seus filhos brincarem.

Um mundo de sensações e aprendizagens substituídos. O futebol passou a ser jogado somente com as mãos, sua emoção se limitou a gráficos, botões que correm, passam e chutam. Conhecer alguém virou sinônimo de adicionar pessoas no orkut, MSN.

Trocam-se os amigos, as paixões, compra-se uma roupa nova mesmo que as velhas ainda sirvam. As meninas têm celulares e maquiagens, os meninos celulares e bonés bordados.

Amarga ironia falarmos que a internet nos possibilita conhecer o mundo quando mal conhecemos o bairro no qual crescemos e vivemos.

Essa nostalgia, velha mania de acharmos que nossas épocas eram melhores, é natural, talvez nem fossem. Porém, das novas tecnologias todos podem usufruir. Meu lamento está nas crianças de hoje em dia: essas nunca saberão o quanto o tão pouco um dia nos significou e o quanto este tão pouco nos faz falta.


Obrigada Senhor, por eu ter tido a minha infância quando o tão pouco era quase tudo!

PS: "Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa compor muitos rocks rurais
E tenha somente a certeza
Dos amigos do peito e nada mais...

23/03/2010


Bah... Hoje acordei disposta a tanta coisa...
Meu Deus!!! - exclamei. Estou parecendo uma preguiçinha! Simpática até... Mas uma preguiçinha!
Nãooo... Vamos acordar pra vida! O tempo ta passando... Acordaaaaaa! Já é outono!
Então resolvi tirar a poeira da viola... Atualizar o blog... Mexer nas gavetas! Ahhh... As gavetas... Essas sim merecem minha atenção... Quantas lembranças...
Não sei quanto a vocês, mas tem certas épocas do ano que as lembranças vêm à tona com mais emoção. Ou quase a mesma emoção que foi vivida. Interessante isso. Para mim é o outono.
Hoje lembrei de tanta coisa.
Ai me da saudade também. Lembro da época que se ficava em casa com os irmãos (para quem os tem, sabe do que se trata), jogando bisca, ou bate - burro, meu Deusss, quanto quebrar dedos! Se foi a época de jogar carta com os manos, agora é cada um para um canto, ou melhor, para cada PC.
Mas era muito bom, não se tinha essa dependência de Orkut, MSN, Twitter, Facebook... NOSSAAA! Quanta coisa! Importante é não perder o contato! Sempre que preciso algo do quarto do meu mano, o chamo no MSN, ou mando um scrap. Praticidade... haha
Mas mudando de assunto...
É e o Sr. Outono está aqui!! Bem vindo, senhor "tão gostoso" OUTONO!
Já se percebe a minha intimidade com ele não??!!
O outono pra mim tem cheiro bomm!
Cheira bem... Me da conforto instantâneo!!
O vento gelado e o sol fraquinho... Deliciosa melancolia!
Os fins de tarde mais gostosos de serem vistos, quietos, e sem nada em mãos, no máximo uma “retrateira” como diz minha amiga Igui. Retratando tudo que é bem visto aos olhos do amante do outono. Cada raio de sol que bate nos galhos de uma árvore, se torna o pó mágico da Sininho. hehehe
Bem, bem...
Vamos lá... Ver mais um fim de tarde do outono!
Outono... apreciem sem moderação!

22/03/2010

O nosso relógio é o mesmo.
Quando você está por perto, o que já é bom humor, se torna zelo.
O calor que derrete o gelo...
Que combate a dor em apelo, mas que reconhece na querencia, a primissa básica pra viver em harmonia.
Que bela estrela.
Que sorri com um só olhar.
E ilumina sorrindo...

12/03/2010

Amanheci em cólera. Não, não, o mundo não me agrada; A maioria das pessoas estão mortas e não sabem, ou estão vivas com charlatanismo; O amor, em vez de dar, exige; Quem gosta de nós quer que sejamos alguma coisa de que eles precisam; Mentir dá remorso; E não mentir é um dom que o mundo não merece.

Clarice Lispector
"Eduque seu coração para ele não ficar trocando de amor como se troca de roupa. Destruir um amor por outro é viver com o coração remendado..."
Inácio Dantas

11/03/2010

Recebi por e-mail do Lucas, vale a pena ler!


Airton Luiz Mendonça
(Artigo do jornal O Estado de São Paulo)

O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos.
Se alguém colocar você dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília,
sem portas ou janelas, sem relógio... você começará a perder a noção do tempo.

Por alguns dias, sua mente detectará a passagem do tempo sentindo as reações
internas do seu corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome,
sede e pressão sanguínea.

Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento
dos objetos, pessoas, sinais naturais e da repetição de eventos cíclicos,
como o nascer e o pôr do sol.

Compreendido este ponto, há outra coisa que você tem que considerar:
Nosso cérebro é extremamente otimizado.
Ele evita fazer duas vezes o mesmo trabalho.

Um adulto médio tem entre 40 e 60 mil pensamentos por dia.
Qualquer um de nós ficaria louco se o cérebro tivesse que processar
conscientemente tal quantidade.

Por isso, a maior parte destes pensamentos é automatizada e não aparece
no índice de eventos do dia e portanto, quando você vive uma experiência
pela primeira vez, ele dedica muitos recursos para compreender o que está acontecendo.
É quando você se sente mais vivo.

Conforme a mesma experiência vai se repetindo, ele vai simplesmente
colocando suas reações no modo automático e 'apagando' as experiências duplicadas.
Se você entendeu estes dois pontos, já vai compreender porque parece que
o tempo acelera, quando ficamos mais velhos e porque os
Natais chegam cada vez mais rapidamente.

Quando começamos a dirigir automóveis, tudo parece muito complicado,
nossa atenção parece ser requisitada ao máximo.

Então, um dia dirigimos trocando de marcha, olhando os semáforos,
lendo os sinais ou até falando ao celular ao mesmo tempo.

Como acontece?
Simples: o cérebro já sabe o que está escrito nas placas
(você não lê com os olhos, mas com a imagem anterior, na mente);
O cérebro já sabe qual marcha trocar (ele simplesmente pega suas experiências
passadas e usa , no lugar de repetir realmente a experiência).

Ou seja, você não vivenciou aquela experiência, pelo menos para a mente.
Aqueles críticos segundos de troca de marcha, leitura de placa são
apagados de sua noção de passagem do tempo.

Quando você começa a repetir algo exatamente igual,
a mente apaga a experiência repetida.

Conforme envelhecemos as coisas começam a se repetir - as mesmas ruas,
pessoas, problemas, desafios, programas de televisão, reclamações, -... enfim...
as experiências novas (aquelas que fazem a mente parar e pensar de verdade,
fazendo com que seu dia pareça ter sido longo e cheio de novidades), vão diminuindo.

Até que tanta coisa se repete que fica difícil dizer o que tivemos de novidade
na semana, no ano ou, para algumas pessoas, na década.

Em outras palavras, o que faz o tempo parecer que acelera é a... ROTINA

A rotina é essencial para a vida e otimiza muita coisa, mas a maioria das
pessoas ama tanto a rotina que, ao longo da vida, seu diário acaba sendo
um livro de um só capítulo, repetido todos os anos.

Felizmente há um antídoto para a aceleração do tempo: M & M (Mude e Marque).
Mude, fazendo algo diferente e marque, fazendo um ritual, uma festa ou registros com fotos.

Mude de paisagem, tire férias com a família (sugiro que você tire férias sempre e,
preferencialmente, para um lugar quente, um ano, e frio no seguinte) e marque com fotos,
cartões postais e cartas.

Tenha filhos (eles destroem a rotina) e sempre faça festas de aniversário para eles,
e para você (marcando o evento e diferenciando o dia).

Use e abuse dos rituais para tornar momentos especiais diferentes de momentos usuais.

Faça festas de noivado, casamento, 15 anos, bodas disso ou daquilo,
bota-foras, participe do aniversário de formatura de sua turma,
visite parentes distantes, entre na universidade com 60 anos,
troque a cor do cabelo, deixe a barba, tire a barba, compre enfeites diferentes
no Natal, vá a shows, cozinhe uma receita nova, tirada de um livro novo.

Escolha roupas diferentes, não pinte a casa da mesma cor, faça diferente.
Beije diferente sua paixão e viva com ela momentos diferentes.
Vá a mercados diferentes, leia livros diferentes, busque experiências diferentes.

Seja diferente.

Se você tiver dinheiro, especialmente se já estiver aposentado,
vá com seu marido, esposa ou amigos para outras cidades ou países,
veja outras culturas, visite museus estranhos, deguste pratos esquisitos.....
em outras palavras...... V-I-V-A. !!!

Porque se você viver intensamente as diferenças, o tempo vai parecer mais longo.

E se tiver a sorte de estar casado(a) com alguém disposto(a) a viver
e buscar coisas diferentes, seu livro será muito mais longo, muito mais
interessante e muito mais v-i-v-o... do que a maioria dos livros da vida que existem por aí.

Cerque-se de amigos.
Amigos com gostos diferentes, vindos de lugares diferentes,
com religiões diferentes e que gostam de comidas diferentes.

Enfim, acho que você já entendeu o recado, não é?

Boa sorte em suas experiências para expandir seu tempo, com qualidade, emoção, rituais e vida.

E S CR EVA em tAmaNhos diFeRenTes
e em CorES di f E rEn tEs !

CRIE, RECORTE, PINTE, RASGUE, MOLHE,
DOBRE, PICOTE, INVENTE, REINVENTE...

V I V A !!!!!!!!
"A ausência torna o coração mais amante."

09/03/2010

As pessoas vêem as coisas como são e se perguntam, por que?? Eu vejo as coisas como nunca foram e me pergunto, por que não??

Que mulher nunca teve?

Um sutiã meio furado,
Um primo meio tarado,
Ou um amigo meio viado?

Que mulher nunca tomou
Um fora de querer sumir,
Um porre de cair
Ou um lexotan para dormir?

Que mulher nunca sonhou
Com a sogra morta, estendida,
Em ser muito feliz na vida
Ou com uma lipo na barriga?

Que mulher nunca pensou
Em dar fim numa panela,
Jogar os filhos pela janela
Ou que a culpa era toda dela?

Que mulher nunca penou
Para que ter a perna depilada,
Para que aturar uma empregada
Ou para que trabalhar menstruada?

Que mulher nunca comeu
Uma caixa de Bis, por ansiedade,
Uma alface, no almoço, por vaidade
Ou, um canalha por saudade?

Que mulher nunca apertou
O pé no sapato para caber,
A barriga para emagrecer
Ou um ursinho para não enlouquecer?

Que mulher nunca jurou
Que não estava ao telefone,
Que não pensa em silicone
Que "dele" não lembra nem o nome?
Não é possível ser pirata em paz, que o transatlântico vem logo atrás...

Mulher,
De todos os amores...ou de todas suas dores...
Viva intensamente...."voe" com mais LIBERDADE....

Se é feliz...quando somos donas de nós mesmas!

Mas Eu

"Mas eu, em cuja alma se refletem
As forças todas do universo,
Em cuja reflexão emotiva e sacudida
Minuto a minuto, emoção a emoção,
Coisas antagônicas e absurdas se sucedem —
Eu o foco inútil de todas as realidades,
Eu o fantasma nascido de todas as sensações,
Eu o abstrato, eu o projetado no écran,
Eu a mulher legítima e triste do Conjunto
Eu sofro ser eu através disto tudo como ter sede sem ser de água."

Álvaro de Campos

08/03/2010

Parabéns a nós mulheres!

Mais do que ser brisa

e ondular searas e flores,

mais do que ser sol

e inebriar o mundo de mil cores,

acima do que houve,do que há e houver,

esta a benção

insuperável,extasiante e inigualável

de ser tão somente MULHER.
"Quando o amor vos fizer sinal, segui-o; ainda que os seus caminhos sejam duros e escarpados. E quando as suas asas vos envolverem, entregai-vos; ainda que a espada escondida na sua plumagem vos possa ferir."
Khali Gibran

04/03/2010

Tem dias que eu fico... Olhando as formigas... E sinceramente, não vejo saída...
"A mente é como o estômago. Não é o quanto você coloca dentro dela que conta, mas o quanto ela digere. "
A.J. Nock

Menos eu...

Bandas que todo mundo ouve... menos eu.
Músicas que todo mundo conhece... menos eu.
Filmes que todo mundo viu... menos eu.
Livros que todo mundo leu... menos eu.
Coisas que todo mundo faz... menos eu.

Todos sabem o que acontece... menos eu...

A Evolução da Educação


Antigamente se ensinava e cobrava tabuada, caligrafia, redação, datilografia... Havia aulas de Educação Física, Moral e Cívica, Práticas Agrícolas, Práticas Industriais e cantava-se o Hino Nacional, hasteando a Bandeira Nacional antes de iniciar as aulas.
Leiam o relato de uma Professora de Matemática:
Semana passada comprei um produto que custou R$15,80.
Dei à balconista R$ 20,00 e peguei na minha bolsa R$ 0,80 para evitar receber ainda mais moedas.
A balconista pegou o dinheiro e ficou olhando para a máquina registradora, aparentemente sem saber o que fazer.
Tentei explicar que ela tinha que me dar R$ 5,00 de troco, mas ela não se convenceu e chamou o gerente para ajudá-la.
Ficou com lágrimas nos olhos enquanto o gerente tentava explicar e ela aparentemente continuava sem entender.
Por que estou contando isso?
Porque me dei conta da evolução do ensino de matemática desde 1950, que foi assim:
1. Ensino de matemática em 1950:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é igual a 4/5 do preço de venda.
Qual é o lucro?

2. Ensino de matemática em 1970:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é igual a 4/5 do preço de venda ou R$ 80,00.
Qual é o lucro?

3. Ensino de matemática em 1980:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Qual é o lucro?

4. Ensino de matemática em 1990:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Escolha a resposta certa, que indica o lucro:
( ) R$ 20,00 ( ) R$ 40,00 ( ) R$ 60,00 ( ) R$ 80,00 ( ) R$ 100,00

5. Ensino de matemática em 2000:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
O lucro é de R$ 20,00.
Está certo?
( ) SIM ( ) NÃO

6. Ensino de matemática em 2009:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Se você souber ler coloque um X no R$ 20,00.
( ) R$ 20,00 ( ) R$ 40,00 ( ) R$ 60,00 ( ) R$ 80,00 ( ) R$ 100,00

7. Em 2010 vai ser assim:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Se você souber ler coloque um X no R$ 20,00.
Se você é afrodescendente, especial, indígena ou de qualquer outra minoria social não precisa responder.
( ) R$ 20,00 ( ) R$ 40,00 ( ) R$ 60,00 ( ) R$ 80,00 ( ) R$ 100,00


É... Pois é... Pior que é assim meeeeeeesmo!

25/02/2010

eu disse: sou um nómada
tu disseste: tens a febre do deserto
eu disse: tenho uma vontade de ir
tu disseste: do deserto conheces as miragens
eu disse: e a lonjura que dentro de mim vai
tu disseste: em ti quero viajar

(Emanuel de Sousa)

05/02/2010

Silêncio


O silêncio existe para além das palavras

Que alegram a minha alma

Combatem-se e destroem-se e aí...

abrem feridas tantas vezes fechadas

Quando penso, o silêncio existe

muito para além do pensamento

Livre e solto num infímo horizonte

Quando páro de pensar

Há ventos que me voltam a trazer pensamentos

O silêncio volta... volta

a existir nos meus pensamentos...

Intocado e intocável

E é nesta ausência de mim

que se esconde a verdade...

30/01/2010

Poema

Eu hoje tive um pesadelo e levantei atento, a tempo
Eu acordei com medo e procurei no escuro
Alguém com seu carinho e lembrei de um tempo
Porque o passado me traz uma lembrança
Do tempo que eu era criança
E o medo era motivo de choro
Desculpa pra um abraço ou um consolo
Hoje eu acordei com medo mas não chorei
Nem reclamei abrigo
Do escuro eu via um infinito sem presente
Passado ou futuro
Senti um abraço forte, já não era medo
Era uma coisa sua que ficou em mim, que não tem fim
De repente a gente vê que perdeu
Ou está perdendo alguma coisa
Morna e ingênua
Que vai ficando no caminho
Que é escuro e frio mas também bonito
Porque é iluminado
Pela beleza do que aconteceu
Há minutos atrás

24/01/2010

Mulher Despida

Talvez a verdadeira excitação esteja, hoje, em ver uma mulher se despir de verdade - emocionalmente. Nudez pode ter um significado diferente. Muito mais intenso é assistir a uma mulher desabotoar suas fantasias, suas dores, sua história.
É erótico ver uma mulher que sorri, que chora, que vacila, que fica linda sendo sincera, que fica uma delícia sendo divertida, que deixa qualquer um maluco sendo inteligente. Uma mulher que diz o que pensa, o que sente e o que pretende, sem meias-verdades, sem esconder seus pequenos defeitos - aliás, deveríamos nos orgulhar de nossas falhas, é o que nos torna humanas, e não bonecas de porcelana. Arrebatador é assistir ao desnudamento de uma mulher em quem sempre se poderá confiar, mesmo que vire ex, mesmo que saiba demais.

Não é fácil tirar a roupa e ficar pendurada numa banca de jornal mas, difícil por difícil, também é complicado abrir mão de pudores verbais, expôr nossos segredos e insanidades, revelar nosso interior. Mas é o que devemos continuar fazendo. Despir nossa alma e mostrar pra valer quem somos, o que trazemos por dentro.
Não conheço strip-tease mais sedutor.


Martha Medeiros

23/01/2010

Quase

Ainda pior que a convicção do não e a incerteza do talvez é a desilusão de um quase.

É o quase que me incomoda, que me entristece, que me mata trazendo tudo que poderia ter sido e não foi.

Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou não amou.

Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas idéias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono.

Pergunto-me, às vezes, o que nos leva a escolher uma vida morna; ou melhor não me pergunto, contesto. A resposta eu sei de cor, está estampada na distância e frieza dos sorrisos, na frouxidão dos abraços, na indiferença dos “Bom dia”, quase que sussurrados. Sobra covardia e falta coragem até pra ser feliz.

A paixão queima, o amor enlouquece, o desejo trai.

Talvez esses fossem bons motivos para decidir entre a alegria e a dor, sentir o nada, mas não são. Se a virtude estivesse mesmo no meio termo, o mar não teria ondas, os dias seriam nublados e o arco-íris em tons de cinza.

O nada não ilumina, não inspira, não aflige nem acalma, apenas amplia o vazio que cada um traz dentro de si.

Não é que fé mova montanhas, nem que todas as estrelas estejam ao alcance, para as coisas que não podem ser mudadas resta-nos somente paciência porém,preferir a derrota prévia à dúvida da vitória é desperdiçar a oportunidade de merecer.

Pros erros há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo.

De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance.

Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar.

Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu.

Luiz Fernando Veríssimo

20/01/2010

”..Tem muita gente piruá neste planeta. Gente que não reage ao calor, que não desabrocha. Fica ali, duro, triste e inútil pro resto da vida. Não cumpre sua sina de revelar-se, de transformar-se em algo melhor. Não vira pipoca, mantém-se piruá. E um piruá emburrado, que reclama que nada lhe acontece de bom. Pois é. Perdeu a chance de entregar-se ao fogo, tentou se preservar, danou-se”.
Interessante e verdadeiro. Como existem pessoas piruás!! E na minha opinião, o pior de tudo não é não querer mudar, não querer se transformar, o pior, é não aceitar que as pessoas mudam, que o mundo não é estático, que tudo está em plena transformação minuto a minuto e ainda por cima, acham que quem muda de opinião, de atitude, de hábitos, precisa urgentemente de um tratamento psiquiátrico. Pois bem, acredito que ninguém mude apenas por mudar, apenas pra seguir a onda, pra fazer de conta, pra ficar “pipocando” por aí... Se há a mudança, é porque houve a necessidade, é porque chegou a hora da transformação, da metamorfose...então...não exijamos que as pessoas mudem, que se atualizem, isso vai de cada um e deve ser respeitado, mas, vamos combinar que, um piruá emburrado e resmungão, ninguém mastiga e muito menos engole.

19/01/2010

"Somente após ter visualizado o que nos reserva o futuro disporemos de força e determinação suficientes para investigar o passado de maneira honesta e imparcial."
Erich Von Daniken

18/01/2010

As sem-razões do amor


Eu te amo porque te amo,
Não precisas ser amante,
e nem sempre sabes sê-lo.
Eu te amo porque te amo.
Amor é estado de graça
e com amor não se paga.

Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no eclipse.
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários.

Eu te amo porque não amo
bastante ou demais a mim.
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama.
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo.

Amor é primo da morte,
e da morte vencedor,
por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.

Carlos Drummond de Andrade

08/01/2010

"Ninguém é substituível, da mesma forma que ninguém é 'necessariamente necessário'."


"Eu não sou assim - Eu estou assim."

07/01/2010

DESIDERATA


Siga tranqüilamente entre a inquietude e a pressa,
lembrando-se de que há sempre paz no silêncio.
Tanto quanto possível sem humilhar-se,
mantenha-se em harmonia com todos que o cercam.
Fale a sua verdade, clara e mansamente.
Escute a verdade dos outros, pois eles também têm a sua própria história.
Evite as pessoas agitadas e agressivas: elas afligem o nosso espírito.
Não se compare aos demais, olhando as pessoas como superiores ou inferiores a você:
isso o tornaria superficial e amargo.
Viva intensamente os seus ideais e o que você já conseguiu realizar.
Mantenha o interesse no seu trabalho,
por mais humilde que seja,
ele é um verdadeiro tesouro na continua mudança dos tempos.
Seja prudente em tudo o que fizer, porque o mundo está cheio de armadilhas.
Mas não fique cego para o bem que sempre existe.
Em toda parte, a vida está cheia de heroísmo.
Seja você mesmo.
Sobretudo, não simule afeição e não transforme o amor numa brincadeira,
pois, no meio de tanta aridez, ele é perene como a relva.
Aceite, com carinho, o conselho dos mais velhos
e seja compreensivo com os impulsos inovadores da juventude.
Cultive a força do espírito e você estará preparado
para enfrentar as surpresas da sorte adversa.
Não se desespere com perigos imaginários:
muitos temores têm sua origem no cansaço e na solidão.
Ao lado de uma sadia disciplina conserve,
para consigo mesmo, uma imensa bondade.
Você é filho do universo, irmão das estrelas e árvores,
você merece estar aqui e, mesmo se você não pode perceber,
a terra e o universo vão cumprindo o seu destino.
Procure, pois, estar em paz com Deus,
seja qual for o nome que você lhe der.
No meio do seu trabalho e nas aspirações, na fatigante jornada pela vida,
conserve, no mais profundo do seu ser, a harmonia e a paz.
Acima de toda mesquinhez, falsidade e desengano,
o mundo ainda é bonito.
Caminhe com cuidado, faça tudo para ser feliz
e partilhe com os outros a sua felicidade".